UNICAMP insere álbum dos Racionais MCs no vestibular

Publicado por

Professora Ludimila Beviláqua comemora o feito: “adorei! Mostra uma visão mais acessível da obra literária”

“O espaço mais próximo entre duas cabeças é o diálogo”, poetizou a eterna professora (e dona do Contexto) Ludimila Beviláqua ao concordar com a inserção do álbum “Sobrevivendo no Inferno”, do grupo de rap Racionais MCs, na prova para ingressar na UNICAMP.

Na última quarta (24), o G1 anunciou a lista de leitura obrigatória para o vestibular de 2019 da UNICAMP. Entre autores clássicos da literatura, como Machado de Assis e Luís de Camões, estavam os caras do Racionais. A novidade deixou não apenas os jovens, fãs do rap brasileiro, em êxtase como também os professores que são abertos a novos debates. “(A inserção do álbum) mostra uma visão mais abrangente da obra literária, mais acessível, menos glamourizada, elitizada e erudita. A língua é viva, é ideológica. Penso que ao abrirem para essa leitura, abrem também para o debate”, opina a Ludi.

“A língua constrói identidades. A língua nunca será um elemento neutro”, Ludi

O disco de 1998 reflete a realidade da periferia paulistana. A desigualdade social, a injustiça perante os moradores de comunidades, o racismo, entre outros assuntos são discutidos faixa a faixa. “’Sobrevivendo no Inferno’ é um ótimo livro de história”, comenta no facebook o DJ dos Racionais, KL Jay. A professora não só concorda como também apoia a música como meio de aproximação do interesse do jovem pelo estudo da linguagem e da poesia.

“O Contexto tem um projeto anual chamado ‘O Som da Palavra’ que casa com essa proposta da UNICAMP. Cada ano trabalho um tema, ano passado foi ‘Rock é poesia’, este ano será ‘MPB é poesia’ e o ano que vem, que já tenho definido, será ‘Rap é poesia’”, Ludi

Ludimila é idealizadora desse projeto musical/poético que consiste em recitar “as letras das canções, levadas para a prosa poética e acompanhadas por uma banda formada sempre com alunos do Contexto”. A música sempre andou lado a lado com o trabalho dela, assim como o meu e talvez até com o seu, leitor(a). Felizmente, a música está entranhada na alma brasileira e podemos utilizar disso para fazer adolescentes se interessarem mais pelos estudos sobre história, literatura ou aquelas matérias de exatas que nós, de humanas, não entendemos budega nenhuma. #sorrynotsorry

QUAL ÁLBUM VOCÊ COLOCARIA NO VESTIBULAR?

“Eu incluiria o álbum ‘Ideologia’, do Cazuza. Tenho muitos motivos para incluí-lo, desde a capa, que mistura suásticas e estrelas de Davi, a títulos como ao que dá nome ao álbum e Blues da Piedade. Seria delicioso acompanhar a leitura das suas subjetividades, das entrelinhas de sua ironia, do sabor inconfundível da sua poesia”, Ludi

Criolo é foda e “Convoque Seu Buda” é um discaço, convenhamos. Mas Elza Soares fez a fênix e ressurgiu das cinzas em 2015 com o nosso samba em “A Mulher do Fim do Mundo”. Aplaudida pelo mundo todo e até pelo New York Times (apenas o jornal mais bem conceituado da porra toda), a cantora subiu no salto, se banhou na purpurina, sentou no trono (que sempre foi seu por direito) e vomitou a hipocrisia e os problemas varridos para debaixo do tapete pela sociedade. Logo ela, que apanhou muito nessa vida (de forma conotativa e denotativa, acredite se quiser) foi a porta-voz da violência contra a mulher, da relação abusiva, da submissão imposta para as mulheres e foi uma baita de uma feminista. A diva encheu sua prateleira de prêmios com o lançamento desse álbum e teve a música-protesto Maria da Vila Matilde na boca do povo. Levou o Grammy Latino e esteve na lista dos 10 melhores álbuns do ano em jornais brasileiros e internacionais (inclusive do NY Times). Fala tu: ela merece ou não merece os aplausos? #girlpower

E você, qual disco gostaria de ver na prova de vestibular? Conte para a gente nos comentários.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s