Pedro de Oliveira está interditada nesta quinta-feira

Publicado por

O processo de asfaltamento do Centro e bairros nos arredores continua em 2019

Logo cedo, nesta quinta-feira (10), a equipe responsável pelo asfaltamento de Carangola avisava quem passava pela rua que a Pedro de Oliveira estaria interditada durante todo o dia. O projeto da prefeitura da cidade que teve início no finalzinho de 2018 permanece a todo vapor agora, em 2019.

Da altura do antigo Jorge Kamil até a entrada da Travessa Antônio Themudo (na esquina da MM Decorações) está fechada para que as ruas principais do Centro sejam asfaltadas, segundo comunicado da Prefeitura Municipal de Carangola.

asfaltamento-carangola-noticias-politica-autora-mayra-russo-foto-divulgacao

A VOZ DO POVO

Há quem diga que “a voz do povo é a voz de Deus”, mas e quando o povo não chega a um consenso? Pois é. Esse processo divide opiniões na cidade, principalmente ao chegar na rua mais movimentada. “Lamentável o asfalto que jogaram sob à nossa história. Foi uma ignorância tremenda dos nossos governantes. Se fosse para calçar ruas de terra, tudo bem. Iria melhorar para o acesso pra a população. Torço para que os carangolenses deem ao seu voto a importância que ele tem! Se todos acompanhassem o que rola toda terça-feira nas reuniões, algo poderia ter sido feito antes das obras terem se iniciado”, desabafa a jornalista Jana Coimbra, 28, ao perceber que a rua onde cresceu, a Adolfo de Carvalho, também poderia fazer parte desse projeto.

Embora a preservação do estilo interiorano e da personalidade da nossa cidade seja uma pauta a ser ressaltada, tem quem veja o lado positivo de todo esse planejamento que moderniza nossas ruas. “É melhor com o asfalto pra quem anda de carro. Percebi que meu carro ficou mais econômico, não há tanto desgaste do pneu, por exemplo. Fora que desliza pela rua, não fica trepidando como ficava com os paralelepípedos”, opina o engenheiro cartógrafo Gilson Barbosa, 64.

Entre tapas e beijos, esse debate continua nas ruas, nas conversas matinais com o vizinho, nas escolas e por onde tivermos liberdade de tentarmos fazer o melhor para a nossa cidade. Essa discussão ainda vai render muita dor de cabeça pro prefeito, afinal não dá para agradar a gregos e troianos, não é mesmo?

 

Fotos: divulgação/ Prefeitura Municipal de Carangola

 

resumo-autores-mayra-russo-folha-da-terra-carangola

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.